Menu
Central de vendas: 4113-6784 - 4113-0394 - 5051-0658
Central de agendamento de exames: 5051-1083
PPRA E PCMSO

PPRA E PCMSO – qual é a diferença e o que você deve saber?

Um bom ambiente de trabalho não é somente confortável e prático, permitindo que o trabalho seja feito de forma simples pelos funcionários. Em sua totalidade, é muito mais prático para o funcionário ter um ambiente com condições seguras, e isso faz os funcionários buscarem empresas que tenham os chamados PPRA e PCMSO.

Visando uma melhor qualidade de trabalho com segurança, foram criadas leis com a intenção de minimizar riscos e diminuir o número de acidentes que acontecem no ambiente de trabalho. Atualmente existem profissionais especializados atuando dentro de empresas para garantir a segurança de todos os funcionários e tentar anular a chance de ocorrer qualquer tipo de acidente.

Justamente por isso foram criados os programas PPRA e PCMSO, cada um com intuito de auxiliar na proteção e garantir a saúde dos funcionários de uma empresa de forma diferente. Hoje veremos as diferenças entre esses programas, e suas funcionalidades dentro de uma empresa.

O que são os programas PPRA e PCMSO?

Veremos então as diferenças e semelhanças entre o PPRA e PCMSO para garantir que temos noção completa das funções de ambos em uma empresa.

1. O PPRA

Essa é a sigla para o chamado Programa de Prevenção dos Riscos Ambientais. Essa norma trata-se de uma legislação federal que tem como objetivo estabelecer uma forte metodologia de ação para garantir com isso a prevenção de riscos e a integridade da saúde dos trabalhadores, contando somente riscos dentro do ambiente de trabalho.

Para o Programa de Prevenção dos Riscos Ambientais, fatores provenientes de agentes químicos, biológicos e físicos existentes na rotina de trabalho são contados como fatores de risco, levando em consideração sempre a natureza da função do trabalho, a intensidade, o tempo de exposição e a concentração de tais fatores.

Toda e qualquer empresa e instituição que admita trabalhadores como empregados, deve implementar a PPRA de acordo com a legislação, porém, cada tipo de empresa tem suas próprias regras e características a serem seguidas, de acordo com os riscos apresentados aos seus funcionários.

2. O PCMSO

Diferente do PPRA, o chamado Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional monitora diretamente a saúde dos trabalhadores, com o objetivo de identificar fatores de risco que comprometem a saúde e a integridade dos funcionários de forma temporária ou permanente.

Os riscos não eliminados pelo PPRA são objetivamente controlados pelo PCMSO. Portanto, antes desse, deve ser feito o PPRA, mas ambos devem estar permanentemente ativos para garantir a saúde de todos os funcionários da empresa, e a minimização dos riscos no ambiente de trabalho que eles atuam.

Diferente do que muitos pensam, a atuação de ambos os programas não é excludente, mas sim complementar. Ou seja, ambas são obrigatórias e necessárias para qualquer empresa que contrate trabalhadores em regime de emprego, garantindo a minimização dos riscos de saúde dos funcionários, e eliminando o risco de multas, caso os programas não sejam aplicados.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a Moema Assessoria. Nós podemos te ajudar a ficar dentro dos conformes com a segurança do trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *